O NASCIMENTO

A cidade de Jaboatão foi fundada por, Luiz Bento de Figueirôa, casado com Maria Feijó, em 04 de maio de 1593, dia em que ele assinou a escritura de compra e venda das terras do engenho São João Batista. Um Português nascido na cidade do Porto que chegou ao Brasil e resolveu povoar Jaboatão, doando terras a quem quisesse construir ou plantar, pois seu sonho era fundar uma cidade semelhante a sua terra natal.

O nome da terra foi derivado do nome do rio Jaboatão ou rio dos jabotis.
A primeira sesmaria era conhecida como terra da beira do rio, Jaboatão foi concedido no ano de 1568.

   
  A GEOGRAFIA

Área territorial é de 234 Km2 e não 256 Km2.
População de 590.000 habitantes, até o ultimo censo, sendo 97,8% na zona urbana e 2,2% na zona rural.
O município possui 150.358 domicílios estão na área urbana e 2.012 na área rural
São praias de Jaboatão: Piedade, Venda Grande, Candeias e Barra de Jangada e já foram chamadas de praias da Candelária.

O município possui 5 distritos e é cortado no sentido Norte / Sul pela BR 101 e Leste / Oeste pela BR 232. Não existe até o momento uma lei específica que defina os limites dos bairros, porém destacam-se entre os demais, Prazeres, Jaboatão, Cavaleiro, Muribeca e Jordão, ditos como distritos.

A bacia hidrográfica é formada pelos rios Jaboatão, Duas Unas além de vários afluentes que vão despejar em Barra de jangada depois de juntar-se ao rio Pirapama.O rio Jaboatão nasce em Pacas-Vitória de Santo Antão, enquanto o rio Duas Unas tem suas nascentes nos confins de Bonança.

Jaboatão
possui a maior lagoa de restinga, a lagoa Olho D água.

O manguezal que existe no município é do tipo vermelho, rico em tanino.

A serra da Macambira é o ponto mais alto do município e fica entre Jaboatão e Moreno

   
  CRONOLOGIA POLÍTICA
 
20/03/1764   Jaboatão passa a ser distrito.
25/05/1873   Jaboatão torna-se município, pela Lei providencial n. 1.903 e pela lei No 54 , tornou-se município autônomo, elegendo o seu primeiro Prefeito Dr. Joaquim Xavier de Lacerda.
23/05/1893     Muribeca só passou a pertencer a Jaboatão, quando a Assembléia Legislativa o extinguiu e incorporou ao município de Jaboatão
02/12/1901   Pela Lei n. 02, foi considerado Distrito Sede
1911   Foram criados os distritos Jaboatão, Tejipió e Muribeca.
16/12/1948   Pela Lei no.50, é criado o Distrito de Cavaleiro, mas a instalação só se deu em 13 de novembro de 1951, três anos depois.
08/05/1973   Jaboatão, passou a integrar a área Metropolitana do Recife.
11/04/1989   O prefeito Geraldo José de Almeida Melo, transferiu a sede do município para Prazeres, pela Lei no 04/89 e mudou o nome de Jaboatão, para Jaboatão dos Guararapes
   
  CRONOLOGIA HISTÓRICA

Jaboatão
destaca-se na história de Pernambuco pelo seu pioneirismo :
 
21/10/1633   Jaboatão é invadido pelo Holandeses.
15/01/1635   Muribeca é invadida e saqueada.
1635   No engenho Santana é traçado o plano para a Restauração Pernambucana tendo a frente Fernandes Vieira.
15/08/1646   Ocorre a batalha de Curcurana.
19/04/1648   Ocorre a 1ª. Batalha de Guararapes.
19/02/1649   Acontece a 2ª. Batalha de Guararapes.
1710   O engenho Macujé serviu de local para reuniões políticas.
10/11/1710   BERNARDO VIERA DE MELO, filho de Muribeca, deu o 1º. Grito de República, no senado de Olinda.
15/06/1802   Dr. Antônio de Morais e Silva, no engenho Novo da Muribeca, escreveu o primeiro dicionário e a gramática de português para o Brasil com vocábulo africano e indígena.
1758   O Frei Jaboatão escreveu o primeiro panegírico em louvor a São Gonçalo Garcia.
1836   O Engenho Caraúna move a vapor pela primeira vez, sendo o pioneiro na América do Sul.
05/08/1883   Circula pela primeira vez o jornal O Mamoeiro.
08/05/1874   Os engenhos transformam-se em usinas.
16/01/1889   O engenho Suassuna é dividido em lotes em um audacioso projeto como se fosse a reforma agrária.
1901   Criação da Escola Agrícola São Sebastião dos Padres Salesianos
07/04/1911   Surge a primeira escola de agronomia e funcionou no engenho Socorro, tendo formado 59 agrônomos, antes de ser transferida para o recife. Hoje funciona o Quartel 14 RI .
1879   A primeira professora contratada pela Câmara de vereadores ( conselho) para lecionar gratuitamente foi a senhora Amélia Alcoforado Muniz. Já a primeira professora de artes foi dona Nina Guerra.
25/09/1916   A igreja de N. Senhora Auxiliadora recebe do Papa Bento XV, o termo de Agregação, que concede indulgências e a transforma em parte da Basílica de São Pedro no vaticano (Roma) e a torna a única Basílica rural e a segunda no Brasil a gozar de tal termo
04/06/1938   Inauguração da Escola pública Souza Brandão
07/09/1938   Inauguração do Grupo Escolar Bernardo Vieira de Melo, que tinha como diretora a professora Odete Oliveira Antunes. Que também se tornou a primeira mulher vereadora de Jaboatão.
06/11/1952   O Brasão do município foi desenhado por Baltazar Câmara e foi proposto pela Lei municipal n 87.
1972   A escola de samba Vila Isabel (RJ) homenageia Guararapes, por iniciativa do cantor Martinho da Vila, antigo morador do Morro da saúde.
   
  MISCELÂNEAS
  • Paulo Freire, o grande pedagogo, residiu no aprazível Morro da Saúde durante sua infância/juventude.
  • A primeira escola particular foi o Instituto Jaboatanense Sete de setembro , de propriedade do Dr. Malaquias Gonçalves da Rocha, situada na rua do Bom Gosto.
  • O Hino de Jaboatão possui letra do poeta Benedito Tavares da Cunha Melo e música de dona Nina de Oliveira.
  • Antonio Vieira de Melo de posse do Sesmo de Ararobá, concedida a seu pai, colonizou o sertão de Pernambuco.